Parque dos Falcões é, oficialmente, Patrimônio Cultural Imaterial de Sergipe

O Diário Oficial do Estado que circula hoje (13) traz a Lei 8.765/2020, garantindo ao Parque dos Falcões o título de Patrimônio Cultural Imaterial de Sergipe. A iniciativa foi da deputada estadual Maria Mendonça (PSDB), através do Projeto de Lei 119/2020, aprovado recentemente pela Assembleia Legislativa de Sergipe.   

“Localizado na Serra de Itabaiana, o parque é reconhecido mundialmente, graças à iniciativa do seu fundador Percílio Andrade que, junto com Alexandre Correia, faz um destacado trabalho”, disse Maria Mendonça, acrescentando que garantir o título de patrimônio cultural imaterial é contribuir para a preservação da tradição e da história. “Esse nosso belíssimo cartão postal foi construído e se mantém graças ao trabalho árduo e o esforço desses dois abnegados”, disse.  

Maria ressaltou que o Parque, onde vivem diversas aves como gaviões, corujas e carcarás tem autorização do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) para garantir a proteção de aves de rapina. “O nosso Parque dos Falcões é uma referência mundial no manejo, reprodução e reabilitação dessas aves”, lembrou a deputada, ao comemorar a publicação da Lei que já passa a vigorar em Sergipe.



DE OLHO NO INSTAGRAM