Maria Mendonça revela preocupação com o aumento no número de casos de violência doméstica

Com o isolamento social, o número de casos de violência doméstica aumentou consideravelmente em praticamente todos os Estados do país. Em Sergipe, ainda, não há números oficiais, mas a informação é que diversos registros têm sido feito nas delegacias plantonistas. “Essa é uma realidade muito preocupante. É lamentável que em um momento como esse, a mulher continue sendo vítima de violência. E pior: essa violência sendo potencializada dentro da sua própria casa, por pessoas com as quais ela convive diretamente e que deveriam protegê-la”, afirmou a deputada estadual  Maria Mendonça (PSDB), que é autora de diversas proposituras que versam sobre a garantia de direitos e integridade da mulher.


Para a deputada, o isolamento social é uma necessidade em virtude da proliferação pelo Coronavírus, mas também tem se tornado um desafio que precisa ser encarado e combatido por todos os segmentos. “A defesa da mulher é de todos nós. Todos devem denunciar quando vê ou ouvir o pedido de socorro de uma mulher que está sendo agredida em qualquer cenário”, disse a deputada, ao destacar a importância da denúncia através do número 181 para que os agressores sejam presos e punidos com o rigor da lei.  


“Apesar de não temos dados oficiais em Sergipe, mas temos acompanhado os noticiários e constatado, por exemplo, que no Rio de Janeiro essa incidência chegou a 50%. É brutal e intolerável”, afirmou Maria Mendonça, ao apelar à Secretaria de Segurança Pública e às forças policiais para que adotem medidas visando a repreensão dessas investidas contra a mulher. “As vidas precisam ser preservadas. O isolamento é, sobretudo, um momento para que a família esteja junta, num mesmo propósito. A agressão física ou de qualquer outra ordem não pode fazer parte dela”, enfatizou Maria, autora do PL 149/2019, já sancionado em transformado na lei 8.577/2019 que institui no calendário do Estado o “Agosto Lilás”, período voltado a campanhas de orientação e sensibilização da sociedade sobre o combate a violência contra a mulher.



DE OLHO NO INSTAGRAM