Maria Mendonça pede abertura de agências da CEF para acolher aprovados em concurso de 2014

A deputada Maria Mendonça (PSDB) protocolou na Assembleia Legislativa uma Moção de Apelo, endereçada ao ministro de Estado da Casa Civil, Ciro Nogueira, a fim de que seja liberada a abertura de nove agências da Caixa Econômica Federal para o Estado de Sergipe. Com isso, a expectativa da parlamentar é que sejam contratados os 190 aprovados no concurso do órgão, realizado em 2014.

"Acreditamos ser de extrema importância que a ampliação da Caixa acompanhe, de igual forma, a expansão demográfica de cada Estado e Município, pois é isso o que gerará um maior desenvolvimento nacional e regional. A abertura dessas agências atenderia quase meio milhão de sergipanos que estão totalmente desassistidos", afirmou Maria, utilizando como fonte uma base de dados disponibilizada pelo Sistema do Tribunal de Contas da União.

De acordo com a parlamentar, não é só a quantidade de agências da Caixa que está defasada em relação à população. "Se fizermos uma análise detalhada desse banco de dados Sistema do Tribunal de Contas da União, nós perceberemos que há um grande déficit funcional nas agências da Caixa, no Estado. Existem somente 700 funcionários para atender mais de 2,3 milhões de sergipanos, o que tem gerado grande insatisfação popular. O mínimo para atender esse quantitativo populacional seria 1.200 trabalhadores, que está longe de ser atingido", explicou.

Maria ainda disse que, recentemente, a instituição informou ter desligado 206 funcionários. "Para compensar, foram contratadas somente 116 pessoas. Isso quer dizer que, além de possuir essa enorme defasagem, há a necessidade de se contratar mais 90 profissionais para suprir este desligamento", disse.

Para a parlamentar, é importante enaltecer e parabenizar o Governo Federal pelas contratações e pelo roteiro de abertura de 250 agências da Caixa, que se tem planejado até o final de 2021. Entretanto, Maria reitera a necessidade de contemplar nessas contratações e novas aberturas, verificando a demanda de cada ente federado. "Isso é algo que só teria a beneficiar toda a população, portanto, deixo aqui nosso apelo para que todos possam se sensibilizar por esta causa e lutar pelo desenvolvimento econômico brasileiro e sergipano", declarou.



DE OLHO NO INSTAGRAM