Maria defende somação de esforços para conter avanço da Covid-19

A deputada estadual Maria Mendonça (PSDB) defendeu nesta terça-feira (2), a somação de esforços dos governos em todas as esferas, para barrar o avanço da Covid-19. No seu entender, é preciso uma reavaliação das medidas de distanciamento em vigor por parte do Governo, nos moldes como foi reivindicada pelo Ministério Público Federal e pelo Ministério Público do Trabalho, recomendando o toque de recolher diante do colapso iminente nas redes pública e privada de saúde.

“O Brasil vive um dos seus piores momentos nesse processo de pandemia. O número de casos cresceu assustadoramente em todas as regiões”, disse, ao citar que o Conselho Nacional de Secretários de Saúde emitiu uma carta através do presidente Carlos Lula, apontando as medidas urgentes que precisam ser tomadas em virtude do crescimento do coronavírus.


Na carta, o Conselho elenca uma série de medidas que precisam ser adotadas, a exemplo da criação de um Plano Nacional de Comunicação para esclarecer à população sobre a gravidade do problema. Nesse processo, destaca o Conselho, deve haver a união dos entes em todas as esferas. “A situação tem assustado as pessoas, seja em casa ou nos hospitais. É preciso que haja uma conscientização, um pacto nacional pela vida”.

De acordo com a deputada, a vida deve estar acima de todas as coisas: “do crescimento econômico, da indústria, do comércio, de tudo. É preciso livrar a população desse mal e que todos entendam a necessidade dos cuidados para que possamos evitar a contaminação”. Ela ressaltou que as pessoas estão morrendo e citou o caso do amigo enfermeiro, Geovânio Matos, que atuava há anos no Hospital de Urgência João Alves Filho. “Assim como Geovânio, muitas outras vidas vêm sendo ceifadas pela doença”, afirmou.



DE OLHO NO INSTAGRAM