Alunos de Umbaúba desenvolvem projeto que transforma sobra de laranja em sabão ecológico

A Assembleia Legislativa aprovou Moção de Aplausos a professores e estudantes  do Colégio Estadual Dr. Antônio Garcia Filho, localizado no município de Umbaúba, pelo desenvolvimento do Projeto do projeto Laranjas: produzir, espremer e saponificar. A iniciativa é da deputada estadual Maria Mendonça (PSDB) que cumprimentou a todos por intermédio de Jian Nascimento dos Santos e Darcylaine Martins.

“É um projeto muito importante que consiste em aproveitar o que sobra da produção da laranja produzida na região em sabão ecológico, diminuindo o acúmulo de lixo e dando um fim sustentável para o excesso da produção”, afirmou, ressaltando que a iniciativa ficou em primeiro lugar em feiras estaduais e os autores foram  convidados pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ) e pela Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) para participar do evento nacional representando o Estado de Sergipe.




“O convite se deu em virtude dos pesquisadores entenderem ser um projeto sustentável do ponto de vista de viabilidade científica, além de ter sido classificado em 1º lugar na Feira de Ciências, Artes e Tecnologia da UFS (Cienart); 1º lugar no Prêmio Destaque PIBICjr e 3º lugar na etapa estadual do Prêmio Professores do Brasil do Ministério da Educação”.




Maria Mendonça destacou, ainda a postura pedagógica das professoras Darcylaine Martins e Andréa Oliveira que identificaram a capacidade do seu alunado e o estimula a se desenvolver . “O professor pode desenvolver com mais eficiência o seu papel, não apenas como transmissor de conhecimento, mas também, como estimulador de transformações sociais, pois sua prática pedagógica contará com o empenho do aluno em querer participar, afinal se identificará e vislumbrará a possibilidade de encontrar opções capazes de melhorar sua rotina diária e ajudar seus familiares, tal qual, ocorreu com esses que se desenvolveram esse Projeto.




Professora por formação, Maria observou que o conceito de educação deve ser entendido como uma construção social benéfica que venha transformar vidas, evitar ou solucionar problemas, trazer oportunidades, conhecimento e, acima de tudo formar cidadãos que contribuam, de forma gratificante, para o crescimento de uma Nação.



DE OLHO NO INSTAGRAM